Imagem
Notre histoire
© DR
A nossa história

100 anos de diplomacia cultural

Da AFAA ao Institut français, mais de 100 anos de diplomacia cultural fazem a nossa história.

A 29 de maio de 1922 foi criada a Associação Francesa de Expansão e Intercâmbio Artístico (AFEEA).

A AFEEA é reconhecida como sendo uma instituição de utilidade pública e assenta num serviço de correspondentes no estrangeiro (académicos, curadores, diretores de conservatórios, dramaturgos e críticos). Estes últimos prefiguravam já os atuais futuros conselheiros culturais das embaixadas francesas. Nascia assim o conceito de rede cultural da França no exterior.     

Em 1934, a AFEEA torna-se a Associação Francesa de Ação Artística (AFAA), cuja missão era garantir a expansão e exportação da arte francesa para o exterior, bem como o acolhimento de artistas estrangeiros em França. É então colocada sob a dupla tutela do Ministério dos Negócios Estrangeiros e do Ministério da Cultura e da Comunicação.

Em 2000, a AFAA funde-se com a associação Afrique en création, que apoia grandes encontros artísticos pan-africanos: os Encontros de Fotografia de Bamako, os Encontros Coreográficos de Antananarivo, a Bienal Dak'Art, o Festival Internacional de Teatro do Benin (Fitheb).           

Em 2006, a Associação para a Difusão do Pensamento Francês (ADPF) aderiu à AFAA, que passou a chamar-se CulturesFrance. A CulturesFrance assumiu o setor de apoio ao cinema em 2009.

Finalmente, pela lei relativa à ação externa do Estado de 27 de janeiro de 2010 organizada pelo decreto n.° 2010-1695 de 30 de dezembro de 2010, é criado o Institut français. Este substitui a associação Culturesfrance com um âmbito de ação mais alargado.

O Estado confia-lhe a promoção da ação cultural externa da França nas artes - cénicas, plásticas, arquitetura -, livros, cinema, língua francesa, conhecimentos e ideias, em relação a outros agentes culturais setoriais e em estreita simbiose com a rede cultural francesa no exterior.

O Institut français é responsável pelas “Saisons culturelles et années croisées”, que desde 1985 puseram a França em diálogo com os países estrangeiros; e pela presença francesa em alguns grandes eventos internacionais como as Bienais de Veneza (arte, arquitetura) e a Trienal de Design de Milão.

Institut français - 100 ans de diplomatie culturelle (1922-2022)
Institut français - 100 ans de diplomatie culturelle (1922-2022)